33 comentários:
De O Gato a 24 de Março de 2009 às 14:46
Vou tentar mas acho que me vai custar quando ela casar ou se juntar com alguém, a minha Princesa! Até já estou com um nó na garganta.

Bj



De Maria Araújo a 24 de Março de 2009 às 21:59
Enterneceu-me com este comentário.
Mas a verdade é que eles "fogem".
Eu digo à minha sobrinha que não deve preocupar-se com os problemas dos adultos. Deve ser uma miuda alegre e feliz.
Ontem tive uma conversa com uma colega, a respeito da adolescência.
Um ponto que se focou, e a respeito do civismo que falei, a geração dos 40, pais, pensa que deve tratar os filhos como se fossem os melhores amigos, saindo com eles, tentando conviver com os amigos(as) dos filhos(as).
Está provado por psicólogos e peritos no assunto que os pais devem exercer a sua função parental. Não devem educar os filhos como se de amigos se tratassem.
Eu concordo. Os filhos devem ter a noção do que é um pai e uma mãe. Devem respeitá-los, ter a noção da autoridade destes.
Por isso, amigo Gato, a sua filha vai crescer, vais ser uma mulher (ela diz que já é), e o Gato, daqui a uns anos, vai orgulhar-se de ser um PAI que foi capaz de dar o carinho, o amor, a humildade (que mostra ter),os valores que lhe foram também transmitidos.
Quando ficar com o nó na garganta que seja de muito orgulho na Princesa que está a fazer crescer.
Beijinho

P.S.: Desculpe meter-me neste comentário, mas fiquei babada. É que eu orgulho-me dos meus sobrinhos mais velhos que, felizmente, são adultos com valores.



De O Gato a 25 de Março de 2009 às 09:06
A minha é igual! Quando nos vê preocupados fica aflita.
Agora perdeu a avó e só me perguntava se o avô estava bem e se eu estava bem. Nestes dias queria vir ver televisão para à minha cama, dizia que era para me fazer companhia e miminhos.
Sim concordo que os pais têm que exercer o seu dever parental, eu ainda por cima sou muito exigente porque tive uma educação assim. Absoluto a autoridade dos pais é para respeitar, ela comigo já sabe que não pode esticar muito a corda, já com a mãe por vezes tenho que me meter porque já estou a achar um pouco demais. Mas compreendo todas as mães são mais benevolentes.
Assim espero lhe poder dar esses valores até morrer.
Também acho que dá uma excelente TIA, e digo já que não gosto muito que me peçam desculpas, este blog é mesmo para isso para as pessoas exporem as suas opiniões e pontos de vista.
Gostei

Bj


De Maria Araújo a 25 de Março de 2009 às 12:26
Obrigado pelo comentário.
Beijinho


Comentar post